A partir de um espaço físico, no Auditório Círculo Católico de Operários do Porto, até ao dia 24 de maio (sextas, sábados e domingos), será possível assistir a concertos ao vivo via streaming, com uma contribuição mínima de três euros., ou até valores mais generosos.

Os concertos do Festival Auditório em Casa poderão ser vistos através da plataforma criada pela sala de espetáculos - saiba mais aqui.

Em comunicado, a promotora frisa que o objetivo é "oferecer ao público conteúdos de boa qualidade de som e imagem, e acima de tudo valorizar de forma justa o trabalho dos músicos que, mediante a adesão do público aos seus espetáculos, recebem contributos que vão dos  euros, à compra do passe geral de 45 euros".

O festival arrancou na passada sexta-feira, dia 8 de maio, com o quarteto MPB de Lilian Raquel e Cláudio César Ribeiro. "A agenda prossegue com diversidade de géneros musicais e nomes como Rui David ou Helena Kendall", frisa a promotora.

"Este é um projecto de ajuda entre músicos, sem qualquer intervenção de empresas e agentes", explica em comunicado. A organização está a cargo de Isabel Ventura, Lilian Raquel, João Maya (responsável pelo Auditório CCOP), e Rita Ventura no design gráfico.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.