Os grupos de Steve Coleman and Five Elements, Fred Frith Trio e de Rodrigo Amado, Joe McPhee, Kent Kessler e Chris Corsano Quartet são cabeças de cartaz de um programa que a organização do Jazz ao Centro Clube pretende "rico e equilibrado".

"Renovamos todos os anos a alegria de ter um programa o mais rico possível. Com 17 edições, temos a necessidade de trazer sempre algo de novo e que interpele a cidade", disse José Miguel Pereira, presidente do Jazz ao Centro Clube e diretor artístico do festival.

Os Encontros Internacionais de Jazz de Coimbra concentram-se em dois fins de semana: 18 e 19 e 25, 26 e 27 de outubro, distribuindo-se pelo Convento São Francisco, Salão Brasil, Teatro Académico Gil Vicente, Centro Norton de Matos, Colégio da Graça, Casa das Artes Bissaya Barreto, Casa da Mutualidade, Centro de Artes Visuais e Coola Bola, Rádio Universidade de Coimbra e Museu Nacional Machado de Castro.

Durante o festival, oito dos 16 concertos programados são de entrada gratuita, o que, segundo José Miguel Pereira, "sinaliza uma aposta nossa de facilitar o acesso a estes espetáculos, o que só é possível graças ao conjunto de parcerias".

"Os destaques naturais estão no primeiro fim de semana, em dois concertos no Convento São Francisco - o de Alberto Conde, no sábado, num tributo ao pianista português Bernardo Sassetti (falecido em 2012) e o de Steve Coleman, no domingo, uma figura fundamental na história do jazz", realçou o diretor artístico.

O presidente do Jazz ao Centro Clube destacou ainda a presença de um coletivo de seis músicos holandeses que, durante quatro dias, vão interagir com cinco músicos portugueses, numa residência artística que vai oferecer cinco concertos, em diferentes combinações.

A parceria luso-holandesa vai atuar lado a lado com outros notáveis do jazz que participam no festival, como Carlos Zíngaro, Wilbert De Joode e Michael Moore.

"O nosso trabalho é cada vez mais dignificar o trabalho dos músicos", sublinhou José Miguel Pereira.

Com um orçamento de 50 mil euros nesta edição, o Festival Jazz ao Centro - Encontros Internacionais de Jazz de Coimbra é organizado em simultâneo com o município de Coimbra.

Presente na apresentação do evento, a vereadora Carina Gomes, responsável pelo pelouro da Cultura no município de Coimbra, destacou que o festival está cada vez mais descentralizado pela cidade e que o seu "sucesso é fruto de um trabalho conjunto dos diversos parceiros".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.