Segundo a revista Flash!, a TVI pretende avançar para uma segunda temporada do programa já em 2018. Mas o chef do 100 maneiras já revelou que não será fácil a negociação. "Se me propuserem um segundo programa, eu vou dizer não. Aliás, já disse que não. Se me propuserem um segundo programa em que eu vou ganhar uma casa com piscina...eu vou dizer sim. Não vou fazer só por fazer. Não sou gajo da televisão, sou gajo da cozinha", frisou Ljubomir Stanisic à revista Sábado.

No final de abril, várias revistas avançaram ainda que Ljubomir só aceita fazer uma nova temporada se ganhar um salário semelhante ao de Cristina Ferreira. A apresentadora da TVI recebe, em média, 40 mil euros por mês.

"Tento-me desligar do sucesso do programa. Em primeiro lugar, nunca quis ser uma figura pública, nunca quis ser um socialite, nunca quis estar nas capas das revistas", admitiu Ljubomir em maio, em entrevista à TVI. "Não vejo como algo para continuar no futuro, simplesmente porque não sou uma pessoa de televisão (...) Não vejo continuidade tão brevemente possível. Nunca digo não a nada. Para já, este ano não tenho tempo: tenho de abrir mais dois restaurantes, não posso aceitar nenhum desafio quanto mais um programa de televisão. Desde o primeiro dia, quando aceitei fazer televisão, só o fiz de quatro em quatro anos", relembrou o chef de "Pesadelo na Cozinha".

O facto de o programa liderar audiências não pressiona Ljubomir. "Este caso, ter muito sucesso, não quer dizer que tenho de fazer outro só pelo dinheiro. Não sou uma prostituta que aceita um trabalho porque necessita de viver dele. Eu vivo da cozinha", frisou em entrevista ao "Jornal das 8", da TVI.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.