Veja abaixo cinco momentos memoráveis das edições anteriores.

Jeremy Renner e os "globos" de J-Lo

Jeremy Renner, conhecido como Hawkeye no cinema, o super-herói da saga "Vigadores", da Marvel, fez uma piada de gosto duvidoso, quando entregou um prémio com a cantora Jennifer Lopez, em 2015.

Quando J-Lo perguntou ao ator se ele queria que ela abrisse o envelope com o nome do vencedor, já que tinha "unhas" para isso, ele respondeu: "Você também tem os globos".

A frase de Renner despertou uma onda de indignação.

O "novo amanhecer" de Oprah Winfrey

Em pleno escândalo Weinstein - o produtor de cinema americano acusado de abuso sexual -, a apresentadora e empresária Oprah Winfrey previu, em janeiro de 2018, a chegada de um "novo amanhecer" para todas as mulheres maltratadas por "homens poderosos e brutais".

"Durante muito tempo, as mulheres não foram ouvidas ou ninguém acreditava nelas quando se atreviam a dizer a verdade e a enfrentar o poder desses homens. Mas isso acabou", declarou Winfrey ao receber o prémio Cecil B. DeMille em reconhecimento da sua carreira.

Emma Thompson, vítima da moda

Vencedora de dois Óscares, Emma Thompson subiu ao palco em 2014 para entregar o prémio de melhor argumento, com a sua pose britânica, uma taça de martini numa mão e os sapatos Louboutin... na outra.

Após uma homenagem à arte de escrever uma sinopse, a atriz fez um discurso sobre a crueldade dos sapatos de salto alto.

"Quero que saibam que este vermelho é do meu sangue", disse, mostrando as solas dos sapatos Loubotin - cuja marca registada é a cor da sola - antes de os arremessar para trás.

Jodie Foster quase assume homossexualidade

A atriz Jodie Foster não chamou a atenção por um comportamento extravagante, mas pelo discurso emotivo que deu ao receber, em 2013, um prémio pelo conjunto da sua carreira.

Naquela noite, todos estavam atentos às palavras de uma das estrelas mais discretas de Hollywood - que já foi criticada pela revista Out Magazine por não falar abertamente sobre a sua sexualidade.

"Parece que eu realmente quero dizer algo que eu nunca fui capaz de dizer em público (...) Mas eu vou dizer, ok? Com força e orgulho, ok? Vou precisar da vossa ajuda", declarou a atriz.

Mas Foster não tomou o rumo que todos esperavam e acabou por não assumir publicamente a sua homossexualidade. "Estou solteira", exclamou. "Sim, é verdade. Estou solteira", disse, provocando risos e aplausos, antes de prestar uma homenagem a Cydney Bernard, que foi sua mulher durante vários anos.

Sem Globos de Ouro

As piadas de mau gosto, o álcool ou o amor não tiveram relação, contudo, com o maior acontecimento da história dos Globos de Ouro: o ano em que não houve cerimónia.

Em 2008, a associação da imprensa estrangeira de Hollywood, que organiza o evento anualmente, decidiu cancelar a entrega oficial de prémios durante a grande greve do sindicato de autores, após os seus colegas atores comunicarem que se negavam a participar dos piquetes de greve como sinal de solidariedade.

Os premiados foram anunciados numa simples conferência de imprensa.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.