O espectacular resultado de bilheteira em todo o mundo de
«X-Men Origens: Wolverine» no fim-de-semana de estreia, embalou a Fox não só a dar luz verde a uma sequela directa, com Wolverine no Japão, como também a apostar num filme dedicado a uma das personagens secundárias da fita:
Deadpool, interpretado por
Ryan Reynolds.

Criado na BD em 1991 por
Fabien Nicieza e
Rob Liefeld, Deadpool surgiu como personagem secundária que, pouco a pouco, foi ganhando proeminência até conquistar a sua própria série e a admiração dos amantes de super-heróis. Ele é um mercenário, caracterizado pelos comentários satíricos cheios de referências à cultura popular, que por vezes admitie a própria existência enquanto personagem de BD e comenta o próprio «medium» em que se integra.

Na origem, ele foi submetido ao mesmo programa «Weapon X» que Wolverine para curar o cancro que o minava, saindo de lá desfigurado e mentalmente instável. O filme
«X-Men Origens: Wolverine» parecia preparar já terreno para o «spin-off» que se adivinhava.

O filme será produzido por
Lauren Shuler Donnen mas ainda não foram escolhidos argumentista nem realizador.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.