A Disney antecipou o lançamento em formato digital de "'Bora Lá", a animação da Disney*Pixar que estava nos cinemas, agora fechados em muitos países do mundo por causa do impacto da pandemia de coronavírus.

Esta sexta-feira, o estúdio anunciou que a versão digital pode ser comprada já hoje por 19,99 dólares e ficará disponível no serviço de streaming Disney+ a 3 de abril (data para os EUA).

A decisão do maior estúdio de Hollywood solidifica uma mudança radical na política de distribuição, deixando cair por terra a tradicional "janela" dos 90 dias exclusivos dos cinemas: com muitas pessoas fechadas em casa, vão ficar disponíveis online muito mais cedo os filmes que estavam em exibição no grande ecrã.

A Warner Bros. anunciou o lançamento digital de "O Caminho de Volta", com Ben Affleck, que estreou dia 6, para terça-feira, dia 24, coincidindo que o de "Birds of Prey", com Margot Robbie, que chegara aos cinemas a 7 de fevereiro, e ainda "Tudo Pela Justiça", com Jamie Foxx e Michael B. Jordan, na maioria dos cinemas desde 10 de janeiro. Seguir-se-á o mesmo nos mercados internacionais.

A Lionsgate também optou por colocar o drama cristão "Eu Ainda Acredito", com K.J. Apa e Britt Robertson, em video-on-demand a 27 de março, 15 dias após a estreia nos cinemas americanos.

Já a Sony colocará à venda "Bloodshot", o filme com Vin Diesel que estava nos cinemas apenas desde dia 13 (com algumas sessões de pré-estreia uma semana antes), a 24 de março.

No mesmo dia também sai "The Gentlemen - Senhores do Crime", de Guy Ritchie e com Matthew McConaughey, Hugh Grant e Charlie Hunnam, que estreou a 24 de janeiro nos EUA.

A transformação de Hollywood começou no início da semana, quando a Universal Pictures anunciou que "O Homem Invisível", "A Caçada" e "Emma" iriam ficar disponíveis na sexta-feira (20), num aluguer de 48 horas ao preço recomendado de 19,99 dólares, tanto nos EUA como noutros países onde já estrearam.

Este estúdio foi ainda mais longe porque vai lançar a 10 de abril a animação "Trolls World Tour", a sequela do filme de 2016, ao mesmo tempo nos cinemas que estiverem abertos e para aluguer.

Esta decisão aplica-se também aos mercados internacionais, onde começa a ser lançado a partir de dia 20.

Na semana passada, a Disney decidira antecipar os lançamentos em streaming de "Star Wars: A Ascenção Skywalker" e "Frozen 2", que já tinham saído das salas.

Mais informações sobre o COVID-19.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.