Se há alguém responsável pela explosão dos super-heróis da Marvel Comics no cinema, esse alguém é o produtor israelo-americano Avi Arad, que, desde
«Blade» em 1998, se encarregou de levar ao grande ecrã as célebres personagens, que até então tinham tido uma triste carreira cinematográfica. Foi com ele que nasceram fenómenos cinematográficos como
«X-Men»,
«Homem-Aranha» ou
«Homem-de Ferro», e é ele agora que se prepara para levar ao grande ecrã uma personagem que é considerada antepassada directa dos super-heróis: o marinheiro super-forte e zarolho Popeye.

Criado em 1929 por
Elzie Crisler Segar para as páginas de banda desenhada dos jornais, Popeye rapidamente atingiu o sucesso mundial no cinema, com uma série de curtas-metragens de grande qualidade produzidas nos estúdios Fleischer, que lhe introduziram o consumo de espinafres como catalizadores de super-força. Super-Homem, o primeiro de todos os super-heróis, só surgiria em 1938, mas tem no marinheiro zarolho um digno antecessor.

Em 1980, Robert Altman já levara
Popeye ao cinema, numa longa-metragem de imagem real com
Robin Williams no papel principal, num musical que foi um fracasso de bilheteira mas tem hoje algum culto à sua volta. Já em 2004, saiu o telefilme
«Popeye’s Voyage: The Quest for Pappy», posteriormente editado em DVD e criado em animação por computador.

Avi Arad, que já se estreara fora da Marvel com uma adaptação ao cinema de imagem real da linha de bonecas
Bratz, vai agora apostar numa nova versão das aventuras do herói em cinema, também em animação por computador, tal como o recente «The Quest for Pappy», mas com valores de produção adaptados ao cinema.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.