O presidente da Câmara do Porto revelou hoje que pretende transformar o Cinema Batalha numa Casa do Cinema, com espaços para projeção de filmes, investigação e divulgação da história e uma “colaboração ativa” com a Cinemateca.

“Queremos que seja uma Casa do Cinema: com sala de cinema, espaço para investigação e todo um trabalho para promover o cinema. Temos de ver, também, as questões dos arquivos. Falamos já com o ministro e o secretário de Estado da Cultura porque pretendemos ter uma colaboração ativa com a Cinemateca. Tudo isso foi previamente acautelado, iremos agora desenvolver o projeto”, descreveu Rui Moreira.

Numa visita ao Monumento de Interesse Público, encerrado desde 2011, Rui Moreira adiantou que a programação do equipamento ficará a cargo “da Câmara ou de um instrumento da Câmara”, acrescentando que “antes de 2018 será difícil” reabrir o equipamento.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.