Depois da TV, o salto para o grande ecrã: o filme "Sai de Baixo" vai chegar às salas de cinema no Brasil a 21 de fevereiro (ainda não foi anunciada estreia portuguesa) e o primeiro trailer já foi divulgado.

A série de humor, com sete temporadas e 241 episódios emitidos entre 1996 e 2002 na Rede Globo,  é um dos grandes marcos da história da televisão brasileira e também foi um grande sucesso em Portugal.

A história andava à volta de uma família disfuncional formada por Caco Antibes (Miguel Falabella), a esposa Magda (Marisa Orth) e a sogra Cassandra (Aracy Balabanian), ricos que passavam a pobres após serem descobertas várias falcatruas, mas sem perder os velhos hábitos mesmo mesmo depois de se mudarem para o apartamento do irmão de Cassandra, Vavá (Luis Gustavo, que criou a série com Daniel Filho).

À sua volta andavam Edileuza (Claudia Jimenez), uma empregada desbocada, e ainda o porteiro Ribamar (Tom Cavalcante).

Dos vários equívocos nasceram muitas pérolas, como "Cala a boca, Magda" (que não podia faltar nas imagens), "Eu tenho horror a pobre", e "O pior cego é aquele que não quer andar."

Agora, seis anos após a exibição de mais quatro programas especiais que juntaram parte do elenco, o filme "Sai de Baixo" volta a juntar Miguel Falabella (que escreveu o argumento), Marisa Orth, Aracy Balabanian, Luis Gustavo, Rafael Canedo (Caquinho), Tom Cavalcante e Katiuscia Canoro (Sunday).

De fora ficou Claudia Jimenez, que desistiu de participar e foi substituída por Cacau Protásio.

A história começa com Caco a regressar ao Largo do Arouche depois de uma longa temporada na prisão para descobrir que, inevitavelmente, estão todos mais falidos do que nunca e a família foi despejada do apartamento e está a morar como um favor com o porteiro Ribamar (Tom Cavalcante).

Como algumas coisas nunca mudam, não demora muito até Caco meter a família inteira num novo esquema.

VEJA O TRAILER.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.