Menos de uma semana após anunciar o cancelamento da estreia do filme com Seth Rogen e James Franco nas salas de cinema dos EUA, a Sony anunciou um lançamento limitado em duas salas de cinema no Texas e Georgia no dia de Natal, a data que estava originalmente prevista. (ACTUALIZAÇÃO: são já 200 salas e a lista vai sendo atualizada).

«Nunca desistimos de lançar «Uma Entrevista de Loucos» e estamos muito contentes que o nosso filme vá estar num certo número de salas de cinema no dia de Natal», anunciou Michael Lynton, um dos CEO da Sony, em comunicado, que acrescenta. «Ao mesmo tempo, continuamos a desenvolver esforços para assegurar mais plataformas e salas de cinema para que este filme chegue ao maior número de espectadores possível».

A decisão já foi elogiada no Twitter pelas estrelas e mostra que Sony parece estar finalmente a reagir ao difícil período por que está a passar desde que foi alvo de um ataque informático a 24 de novembro que originou a divulgação de informações internas e às críticas que a sua decisão de cancelar a e estreia do filme originou dos mais diversos quadrantes, incluindo do presidente norte-americano Barack Obama. A comédia retrata uma missão destinada a assassinar o líder da Coreia do Norte Kim Jung-un (Randall Park). O FBI responsabilizou formalmente o país pelo ciberataque.

«Queremos agradecer aos nossos talentos em «Uma Entrevista de Loucos» e aos nossos empregados, que trabalharam sem descanso através dos muitos obstáculos que todos enfrentámos no último mês. Ainda que a nossa esperança seja que este é o primeiro passo para a estreia do filme, estamos orgulhosos por o tornar disponível ao público e fazer frente aos que tentaram suprimir a liberdade de expressão».

Especula-se agora que «Uma Entrevista de Loucos» terá também um lançamento mais rápido do que o esperado no circuito de video on demand.

Entretanto, numa reação colateral, mais de 37 mil pessoas votaram para dar a nota 10 ao controverso filme no Internet Movie Database, tornando-o, para já, no mais cotado da história do sítio.