Com 25,4 milhões de dólares de bilheteira, o “spin-off” da saga “Fast and Furious”, “Velocidade Furiosa: Hobbs & Shaw”, foi o mais visto no último fim-de-semana nos EUA, atingindo assim um valor acumulado de 108,5 milhões de dólares. Internacionalmente, o filme já arrecadou 332 milhões, um número respeitável embora ainda distante dos últimos titulos da saga.

Na terceira posição, “O Rei Leão – The Liong King” continuou a faturar, com mais 20 milhões de receita nos EUA, atingindo assim os 473 milhões no país. Em todo o mundo, o filme já arrecadou nada menos que 1,344 mil milhões de dólares, ultrapassando assim os 1,263 mil milhões de “A Bela e o Monstro”, e subindo para primeiro lugar na lista de sucessos das novas versões que a Disney está a fazer dos seus clássicos de desenho animado.

 Entre as estreias, o terror voltou a triunfar, com “Histórias Assustadoras para Contar no Escuro” a arrebatar a segunda posição com 20,8 milhões, um triunfo tendo em conta que o filme custou apenas 25 milhões.

Na quarta posição surgiu a estreia de “Dora e a Cidade Perdida”, adaptação para imagem real da popular série de animação da Nickelodeon “Dora a Exploradora”, com 17 milhões de dólares de receita bruta. Com um orçamento de apenas 49 milhões de dolares e larga expectativa no mercado internacional, o resultado final do filme ainda é uma incognita.

Com apenas 8,1 milhões estreou ainda em sexto lugar “A Vida de Um Campeão”, com Milo Ventimiglia e Amanda Seyfried numa história que envolve um cão mas cujo valor, abaixo das expectativas, torna difícil atingir o seu objectivo de replicar o sucesso de “Marley e Eu”.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.