Após escolher o argumentista, existe uma data de estreia e existe um realizador na mira: estão dados os passos concretos para continuar a saga "Mundo Jurássico" no grande ecrã.

Após duas trilogias, entre 1993 e 2001, e de 2015 a 2022, o Deadline revela que um novo filme ainda sem título oficial foi colocado na agenda pelo estúdio Universal Pictures com uma das datas da temporada: 2 de julho de 2025, "apanhando" em cheio o lucrativo feriado norte-americano do 4 de julho.

O novo argumento será da autoria de David koepp, que adaptou "Parque Jurássico" (1993) e "O Mundo Perdido" dos livros originais de Michael Crichton.

Como realizador, o estúdio começou as negociações com David Leitch, com quem colaborou em "The Fall Guy" ("Profissão: Perigo"), um filme em que tem grandes expectativas com Ryan Gosling e Emily Blunt que chega aos cinemas no início de maio.

Charlize Theron com David Leitch na rodagem de "Atomic Blonde"

Antes, o antigo duplo fez a transição para com o colega Chad Stahelski para lançar a saga "John Wick" e esteve à frente de "Atomic Blonde" (2017), "Deadpool 2" (2018), "Velocidade Furiosa: Hobbs & Shaw"(2019) e "Bullet Train" (2022).

O novo "Mundo Jurássico" será um reinício completo e original, não sendo esperados os regressos de Chris Pratt e Bryce Dallas Howard, ou dos veteranos da trilogia original Jeff Goldblum, Laura Dern e Sam Neill.

A continuação da saga é uma decisão que não surpreende do estúdio: além de ser uma das mais reconhecidas, os seis filmes arrecadaram mais de seis mil milhões de dólares nas bilheteiras a nível mundial.

O mais recente, "Mundo Jurássico: Domínio", lançado no verão de 2022, é um de apenas seis filmes que arrecadaram mais de mil milhões de dólares desde a pandemia.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.