A artista dá aulas na escola do Hot Club de Portugal e foi solista da Big Band, o que contribuiu para um percurso evolutivo no mundo da música e do jazz em particular.

No seu primeiro disco, intitulado "Tender Trap" (2005), Marta Hugon interpretou os standards na sua forma "mais pura e honesta". Já no segundo trabalho, chamado "Story Teller" (2008), mostrou "maior ousadia" na seleção e na interpretação dos temas e dos arranjos, recorda a editora.

No seu mais recente disco, "A Different Time", lançado em 2011, Marta Hugon decide avançar para um repertório de música original, em que funde a sua personalidade musical com a do grupo de músicos que a acompanha há vários anos. Apresenta-se mais uma vez com o seu trio e o convidado especial Mário Delgado na guitarra, corresponsável, juntamente com Filipe Melo e com a artista, pela produção deste novo projeto.

"A Different Time" é um disco de canções no qual se ouvem traços de Joni Mitchell, Nick Drake, Elliott Smith e dos Beatles, salienta ainda a editora, traços esses que podem ser escutados no decorrer dos concertos que Marta Hugon vai dar no âmbito do Festival Douro Jazz.

Nesse sentido, o Pequeno Auditório do Teatro de Vila Real vai ser o primeiro palco a ser pisado pela artista neste festival, já este sábado, 29 de setembro, às 22:00. Mais tarde, a 4 de outubro, pelas 21:30, Marta Hugon estará no Teatro Municipal de Bragança e dois dias depois, a 6 de outubro, às 21:30, marcará presença no Teatro Ribeiro Conceição, em Lamego.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.