Os dois cantaram então os êxitos dos Fugges: Ready or Not e Killing Me Softly.

“Eles acabaram de aparecer!” afirmou Hill que apresentava o seu álbum vencedor de um Grammy: “Miseducation of Lauryn Hill”.

Hill e Michel não partilhavam um palco desde 2006, quando o grupo se separou pela segunda vez. A separação não foi propriamente amigável, com Pras e Wyclef a afirmarem que a sua colega precisava de ajuda psiquiátrica.

Desta vez não houve drama, apenas palavras calorosas de Pras, que deu os seus parabéns a Hill por ter tido o seu sexto filho.

“Quando se trata de Lauryn e do Pras, é a minha infância, eles levam-me sempre para aquele sítio” declarou Wyclef à BBC em janeiro passado. “No final do dia Pras é meu irmão e Lauryn é a minha irmã, apesar de tudo que os media dizem. Os Fugees não são destinados a ser.”

Paulo Costa

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.