O Centro de Artes e Espetáculos de Portalegre (CAEP) será o palco principal do festival internacional, que se realiza até sábado, e está orçado em 35 mil euros, segundo fonte da organização.

O Mário Laginha Trio tem uma carreira de mais de 20 anos. Laginha é um músico de jazz, que constitui com Maria João, com a qual já se apresentou neste festival, um dos duos portugueses mais internacionais e duradouros. Laginha colaborou também com o pianista clássico Pedro Burmester, aos quais se juntou, em 2007, Bernardo Sassetti, no projeto “3 pianos”.

Aos portugueses Mário Laginha (piano) Alexandre Frazão (bateria) e Nelson Cascais (contrabaixo), seguem-se, no palco do CAEP, a tradição europeia com “Fire!”, grupo constituído por Mats Gustafsson (saxofones, Fender Rhodes, eletrónica), Andreas Werliin (baixo) e Johan Berthling (bateria e percussões), na sexta-feira.

O 11.º Portalegre JazzFest encerra com o quarteto Lean Left, que inclui Ken Vandermark, saxofonista e clarinetista norte-americano já conhecido do público português, integrado noutros projetos. Desta feita o músico norte-americano é acompanhado por Paal Nilsen-Love e pela dupla Terrie Ex e Andy Moor, do grupo holandês The Ex.

A programação do festival alto-alentejano inclui oficinas musicais, uma feira de disco especializada em jazz, a cargo da discográfica Clean Feed, e sessões de música no café-concerto do CAEP, após os espetáculos no palco principal desta sala.

@Lusa

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.