"Billie! Billie! Billie! Billie!", gritavam os milhares de fãs de Billie Eilish pouco antes de a cantora subir a palco esta quarta-feira, dia 4 de setembro. À hora marcada, as luzes da Altice Arena, em Lisboa, apagaram-se e a sala transformou-se numa espécie de casa assombrada, com os ecrãs do palco a exibirem uma animação sombria, ao estilo de Tim Burton.

Com a sala lisboeta totalmente esgotada - o público era composto essencialmente por adolescentes, com as jovens vestidas ao estilo de Billie Eilish ou com t-shirts da cantora -, a norte-americana subiu a palco ao som de "bad guy", o seu grande sucesso, que destronou o tema "Old Town Road", de Lil Nas X, no top da Billboard.

Vejas as fotos:

Tal como tem acontecido em toda a digressão "When We All Fall Asleep, Where Do We Go?", em palco Billie Eilish Pirate Baird O'Connell (filha dos atores Maggie Baird e Patrick O'Connell) esteve acompanhada pelo irmão Finneas e pelo baterista Andrew Marshall. Mas esta quarta-feira, na Altice Arena, a artista contou ainda com as vozes dos fãs - mais de um coro, a multidão cantou tão alto que chegou a 'abafar' a voz de Billie.

"My strange addiction", "you should see me in a crown" e "idontwannabeyouanymore" completaram o arranque do concerto da artista, apelidada como "a adolescente mais comentada do planeta" pela revista NME.

Billie Eilish
créditos: Rita Sousa Vieira / MadreMedia

Se o público ofereceu toda a sua energia, Billie Eilish não ficou atrás - a lesão no tornozelo não afetou em nada. Durante todo o concerto, a jovem de 17 anos segurou na palma da mão as milhares de pessoas e provou que o palco é como o seu quarto, um lugar onde se sente bem.

A cada tema que a cantora desfilava, o público ia reagindo com mais e mais emoção, cantando os temas verso por verso. "When I Was Older", "wish you were gay" e "all the good girls go to hell" foram alguns dos sucessos mais celebrados a meio do concerto. Entre canções animadas e baladas, Billie Eilish saltou, dançou e distribuiu sorrisos, oscilando sempre o nível de energia de acordo com as letras.

Pelo meio, a jovem também conversou com os fãs, tal como quem conversa com os amigos. "Queria dizer-vos o quão incrível está a ser esta noite. Queria agradecer por estarem cá. Adoro-vos", frisou. "Nós amamos-te", respondeu a multidão aos gritos e a uma só voz.

Depois da festa energética com "ilomilo" e de "bellyache", os fãs tiraram dos bolsos pequenos corações de papel para pintar a Altice Arena em tons de vermelho durante o tema "bitches broken hearts". O amor continuou no ar em "i love you" - sentada numa cama suspensa no ar (o objetivo era recriar e recordar os momentos em que compôs os temas com Finneas.), Billie e o seu irmão foram diretos aos corações dos fãs.

Antes do adeus, ainda houve tempo para "ocean eyes", "when the party's over" e "bury a friend" - todas elas celebradas pelos fãs, com Billie Eilish sempre ao leme da Altice Arena. Depois de um intervalo (que contou com a exibição do videoclip de "all the good girls go to hell"), a jovem de 17 anos voltou a palco para se despedir com o grande sucesso da sua carreira, "bad guy".

Durante mais de uma hora e meia, Billie Eilish jogou todas as suas cartadas, foi certeira e voltou a provar porque é considerada um fenómeno (quase) incontestável da música. Do início ao fim do concerto, a cantora dominou o palco e a multidão sem medos.

Com mais de 36 milhões de seguidores no Instagram e milhares de reproduções no Spotify, a cantora continua a sua corrida no mundo da música a toda a velocidade e parece não encontrar grandes obstáculos. As letras com histórias com que os jovens se identificam, a sua personalidade e o seu estilo são os seus grandes trunfos. Esta ascensão foi meteórica, mas pode ainda ser só o início - pela euforia que se viveu na Altice Arena, provavelmente será.

Billie Eilish
créditos: Rita Sousa Vieira / MadreMedia

E, a julgar pelos gritos, sorrisos e lágrimas no final do concerto, a pergunta que Billie Eilish faz no nome do seu disco e no da digressão ("When We All Fall Asleep, Where Do We Go?") já tem uma resposta: esta noite, quando adormecermos, vamos sonhar com ela.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.