Na edição do ano passado, tinham passado cerca de 200 mil pessoas pela Herdade da Casa Branca, no concelho de Odemira, distrito de Beja.

De acordo com a promotora, Música no Coração, o 22.º Sudoeste despediu-se do público no sábado com uma afluência de 34 mil pessoas ao recinto, a maior enchente dos cinco dias do festival, para assistir, entre outros, aos concertos de Shawn Mendes e de Diogo Piçarra.

Segundo os números divulgados à Lusa pela organização, cerca de 25 mil pessoas assistiram à tradicional festa de receção ao campista, na terça-feira, que marcou o arranque do maior festival de verão do litoral alentejano.

Nos dias seguintes, o festival recebeu 28 mil pessoas (quarta-feira), 29 mil (quinta-feira) e 31 mil (sexta-feira).

Nomes como J Balvin, Shawn Mendes, Jason Derulo, Lil Pump, Piruka e Blaya foram os cabeças de cartaz do Festival Sudoeste.

Pelo palco principal passaram também Blaya, C4 Pedro, Deejay Telio, Wet Bed Gang, após o cancelamento de Hardwell, Kura e Karetus.

O festival Meo Sudoeste agendou o regresso à Herdade da Casa Branca, em 2019, entre os dias 06 e 10 de agosto, com a abertura do campismo a partir de 03 de agosto.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.