"Um total de 316 pessoas foram atendidas nos diversos dispositivos de assistência", afirmou o governo regional da Galiza em um comunicado.

De momento, nove feridos continuam internados, em estado grave, mas fora de perigo, informaram as autoridades, que falaram de ferimentos como fraturas, traumatismos cranioencefálicos e pneumotóraxicos.

A plataforma de madeira, de 30 metros de comprimento e 10 metros de largura, estava lotada para um concerto de rap durante o festival "O Marisquiño" quando desabou pouco depois da meia-noite, informou o presidente da Câmara de Vigo, Abel Caballero.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.