"Pesadelo na Cozinha" liderou audiências durante 13 semanas. O sucesso do programa da TVI deveu-se sobretudo ao chef Ljubomir Stanisic que, sem rodeios, tentou ajudar alguns restaurantes portugueses que estavam a atravessar uma crise.

Na passada segunda-feira, 19 de junho, Ljubomir surpreendeu em direto os proprietários do Barmácia e do Galeria Mozzarella Gastrobar,  dois dos restaurantes que saíram da crise que atravessavam depois da visita do chef. "Bons frutos são essas pessoas. São boas pessoas, bastante inteligentes e conseguiram dar a volta a tudo o que era necessário. Tenho pena de não conseguido muito mais, mas isso também depende dos seres humanos", frisou Ljubomir no programa "A Tarde É Sua".

"Estas duas famílias foram especiais para mim. Tocaram-me no coração e praticamente choraram no meu ombro e eu quase nos ombros deles porque precisavam mesmo de ajuda", revelou.

Segundo a revista Flash!, a TVI pretende avançar para uma segunda temporada do programa já em 2018. Mas o chef do 100 maneiras já revelou que não será fácil a negociação. "Se me propuserem um segundo programa, eu vou dizer não. Aliás, já disse que não. Se me propuserem um segundo programa em que eu vou ganhar uma casa com piscina...eu vou dizer sim. Não vou fazer só por fazer. Não sou gajo da televisão, sou gajo da cozinha", frisou Ljubomir Stanisic à revista Sábado.

No final de abril, várias revistas avançaram ainda que Ljubomir só aceita fazer uma nova temporada se ganhar um salário semelhante ao de Cristina Ferreira. A apresentadora da TVI recebe, em média, 40 mil euros por mês.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.