Segundo este acordo, apontado como "histórico", os novos filmes da Universal ficarão disponíveis em sistemas de vídeo on demand 17 dias após a exibição nas salas.

Historicamente, os grandes filmes ficavam em média três meses em cartaz antes de irem para qualquer outra plataforma.

"A experiência teatral continua a ser o coração do nosso negócio", informou em comunicado Donna Langley, diretora da empresa Universal Filmed Entertainment Group.

"A associação forjada com a AMC é impulsionada pelo nosso desejo mútuo de assegurar um futuro próspero para o ecossistema de distribuição de filmes e satisfazer a procura dos consumidores", acrescentou.

Não foram dados detalhes do acordo, mas a AMC, a maior rede de cinemas da América do Norte, com mais de 8000 salas, receberá parte da receita com o modelo video on demand.

"A AMC abraça com entusiasmo este novo modelo de indústria, tanto porque estamos a participar na totalidade da economia da nova estrutura, como porque o vídeo premium 'à la carte' cria o potencial agregado de aumentar a rentabilidade dos estúdios cinematográficos, o que por sua vez deveria levar à produção de mais filmes", disse o diretor-executivo da AMC, Adam Aron.

"Este acordo plurianual preserva a exclusividade da exibição em salas de cinema durante pelo menos os três primeiros fins de semana de estreia de um filme, quando normalmente é gerada a maior parte da receita de bilheteira", acrescentou.

"A Universal e a AMC acreditam que isto expandirá o mercado e beneficiará todos", concluiu.

O acordo surpreendeu, pois as duas companhias estavam em conflito depois de a Universal Pictures ter antecipado estreias digitais neste momento difícil para a indústria, devido à pandemia do novo coronavírus, que levou ao fecho de salas e paralisou produções.

Em abril, a AMC anunciou que não projetaria nenhum filme da Universal nas suas salas depois de o estúdio ter lançado a sequela do filme infantil "Trolls: Tour Mundial" diretamente em plataformas digitais em pleno confinamento devido à COVID-19.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.