O filme "Sara F.", de Miguel Fonseca, e uma antologia da obra de Salomé Lamas integram o Festival Internacional de Curtas-Metragens de Oberhausen, um dos mais importantes do género, que decorrerá em maio na Alemanha.

De acordo com a Agência da Curta-Metragem, "Sara F.", um filme que coloca "questões sobre a privacidade e a violência na era contemporânea", foi selecionado para a competição internacional.

Realizador, argumentista e anotador, que colaborou com Sandro Aguilar, Miguel Fonseca é autor de quatro curtas-metragens, tendo-se estreado em 2008 com "Alpha".

Na secção "Profiles" estará em destaque o cinema de Salomé Lamas, com a exibição dos filmes "Coup de Grâce" (2017), "Golden Dawn" (2011), "Theatrum Orbis Terrarum" (2013), "A Torre" (2015), "Ubi Sunt" (2017) e um excerto de "Eldorado XXI" (2016).

No entender do festival, "a relação entre a narração, a memória e a história é central no trabalho da realizadora e artista portuguesa", que já tinha estado em Oberhausen no ano passado com o filme "Ubi Sunt" em competição.

O 64.º Festival Internacional de Curtas-Metragens de Oberhausen decorrerá de 3 a 8 de maio com mais de 500 filmes de 64 países.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.