Ryan Gosling e Rachel McAdams viram as suas carreiras em Hollywood disparar por causa de "O Diário da Nossa Paixão", mas James Marsden também ficou a ganhar por ter entrado no filme.

Numa entrevista no programa de Ellen DeGeneres, o ator de 46 anos revelou como um encontro casual com a estrela de "Pretty Woman" e a sua adoração até agora desconhecida pelo filme romântico de 2004 deram uma ajuda decisiva para ser escolhido para outro projeto muito importante.

James Marsden contou que estava num restaurante em Nova Iorque a ser entrevistado pelo realizador Adam Shankman para um possível papel no musical "Hairspray" quando a Julia Roberts se aproximou e desfez em elogios.

O Diário da Nossa Paixão

"Houve um toque no meu ombro e era a Julia Roberts que estava ali parada. E ela disse: 'Desculpe, não tinha a intenção de interromper, mas só queria dizer-lhe que está no meu filme favorito, 'The Notebook', e adorei o que faz no filme e parabéns por isso. Adeus, prazer em conhecê-lo", recordou.

A seguir a este breve momento, o realizador "Adam Shankman vira-se para mim e diz, 'Se ainda não tinhas o papel, acho que isto de certa forma resolveu o assunto".

James Marsden acabou por ficar com o papel do apresentador de televisão Corny Collins no musical de 2007, contracenando com John Travolta, Michelle Pfeiffer, Christopher Walken, Amanda Bynes e Queen Latifah.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.