Há muitos anos que Hollywood tenta fazer a versão cinematográfica da série «Baywatch» e finalmente parece que o projeto vai mesmo para a frente: a publicação Hollywood Reporter avançou que Dwayne Johnson, anteriormente mais reconhecido como «The Rock», vai ser a estrela encarregue de liderar as patrulhas na praia.

A avaliar pelo recente «Hércules», não será especulação adiantar que o ator tem qualificações suficientes para estar à altura da principal exigência do papel: correr em câmara lenta sem camisa.

Sean Anders e John Morris, do filme «Chefes Intragáveis 2», ainda por estrear, estão igualmente comprometidos como realizadores. O estúdio contratou igualmente Justin Malen, do igualmente inédito «Bad Teacher 2» com Cameron Diaz, mas cujo argumento «Bastards» se tornou muito popular na indústria, para reescrever a história.

Não se espere material digno de Óscares: no passado, um dos enredos da versão cinematográfica de «Marés Vivas» envolvia uma série de ataques de tubarões que encaminhavam a equipa para uma operação de tráfico de drogas.

«Marés Vivas» sobreviveu ao cancelamento da primeira temporada e acabou por ser produzida entre 1989 e 2001. Envolvia as aventuras de uma equipa de nadadores salva-vidas nas praias da Califórnia e as suas relações pessoais liderada por Mitch Buchannon, interpretado por David Hasselhoff, a presença constante num elenco que sofreu muitas alterações ao longo das 11 temporadas.

Entre as personalidades que se tornaram mais famosas com a sua participação na séria estão Pamela Anderson, Yasmine Bleeth, Carmen Electra, Alexandra Paul, Nicole Eggert, David Chokachi, David Charvet e Jaason Simmons.

Imensamente popular, «Marés Vivas» entrou para o Livro dos Recordes Guinness como a série mais vista de todos os tempos em 1996: 1,1 mil milhões de telespetadores em 142 países.