A rodagem de «Star Wars: Episódio VII» chegou ao fim e para celebrar, os veteranos Harrison Ford, Mark Hamill (já sem a barba que o tornava parecido com Obi Wan Kenobi) e Carrie Fisher, bem como algumas das caras novas da saga e outros membros da equipa, celebraram com um jantar de despedida no sábado à noite em Londres.

Para trás ficaram seis meses de produção, com uma paragem forçada por causa de um acidente com Ford, muitas fotografias, legítimas e de paparazzi, dos locais da rodagem, e a divulgação de rumores prejudiciais sobre o enredo do filme.

O último dia de gravações, sexta-feira, 31 de outubro, foi marcado por uma carta de agradecimento do realizador J.J. Abrams e dos produtores Kathleen Kennedy e Bryan Burke:

«Ao extraordinário elenco e equipa do Episódio VII:

É uma verdadeira honra e uma absoluta alegria vir ao set todos os dias e trabalhar ao lado de cada um de vocês. O seu profissionalismo, paixão e paciência são mais profundamente apreciados do que nós jamais poderíamos expressar.

Dos desertos de Abu Dhabi, à floresta de Dean, aos palcos de Pinewood, vocês superaram cada desafio e foram tão incrivelmente gentis quanto são brilhantemente talentosos.

A nossa ambição aqui é grande, claro, e precisa ser: estamos aqui para fazer um filme que divirta milhões de pessoas, de todas as idades, por gerações. Para criar uma experiência que as pessoas vão gostar de ver tanto quanto nós gostámos de fazer, juntos.

Como seria bom se tivessem, além do vosso nome no ecrã, uma prova real, verdadeira, tangível de que fizeram uma parte dele!

Aqui está, pois, essa prova. Usem-na bem, usem-na de modo saudável, usem-na com orgulho.

Mas acima de tudo, obrigado.

Com amor.»

Rumores e certezas sobre o «Episódio 7»

A sinopse, não oficial, aponta para que, 30 anos após os acontecimentos de «O Regresso de Jedi», Han Solo (Harrison Ford) e Chewbacca liderem um grupo em busca do desaparecido Luke Skywalker (Mark Hamill) e que, durante a jornada, visitarão alguns dos mais icónicos locais da saga, como Endor, Dagobah, Tatooine e o planeta gelado de Hoth.

Nesse grupo estão os novos protagonistas, um deles um ex-Stormtrooper agora renegado, que tinham encontrado um sabre de luz perdido no espaço e decidido devolvê-lo ao seu dono, que descobriram ser Luke. Estes são interpretados pela quase estreante Daisy Ridley e John Boyega (do filme «Ets in da Bairro»).

O vilão principal pode ser o Inquisidor, um cyborgue com manto preto, olhos vermelhos e parte do rosto coberta de metal, já presenta na série animada «Star Wars Rebels». Ele faz parte de um grupo de defensores da Ordem Sith ligados a Darth Vader, que pode fazer uma breve aparição no filme.

Quando Luke é encontrado, explica que o seu desaparecimento durante 30 anos se deveu a ter ficado prisioneiro, sendo essas cenas, onde é feita a ligação com o grupo de Inquisidores, contadas em «flashback».

Para além de Ford, Hamill e Fisher (Princesa Leia), estão de volta, tal como Anthony Daniels (C3PO), Peter Mayhew (Chewbacca) e Kenny Baker (R2-D2). Entre os novos rostos contam-se Oscar Isaac («A Propósito de Llewyn Davis»), Andy Serkis («O Senhor dos Anéis»), Domhnall Gleeson («Dá Tempo ao Tempo»), Max von Sydow («O Exorcista»), Lupita Nyong’o («12 Anos Escravo»), Daisy Ridley, John Boyega («Ets in da Bairro»), Adam Driver (da série «Girls»), Gwendoline Christie e Miltos Yerolemou (ambos de «A Guerra dos Tronos»).

Os rumores mais recentes apontam para o lançamento de um primeiro trailer pelo natal, isto é, cerca de um ano antes da estreia, marcada para 18 de dezembro de 2015.