«A minha admiração pela inabalável missão do festival em defender a linguagem internacional do cinema não conhece rivais», declarou no comunicado oficial Steven Spielberg, que sucede no cargo ao realizador italiano Nanni Moretti. «O mais prestigiado do seu tipo, o festival sempre estabeleceu o cinema como um medium que atravessa culturas e gerações».

Gilles Jacob, o presidente do Festival, afirmou também em comunicado que Spielberg tem sido presença regular em Cannes e que já tinha sido convidado várias vezes para presidir ao júri do certame. «Mas ele estava sempre a rodar um filme. Por isso, desta vez quando me disseram «E.T. phone home» eu percebi e respondi-lhe imediatamente «Finalmente!».

O realizador já teve várias vezes presenças em Cannes, sendo dois momentos particularmente relevantes o da sua primeira longa-metragem para cinema, «Asfalto Quente», que ganhou lá em 1974 o troféu de Melhor Argumento, e «ET O Extraterrestre», que teve no certame a sua estreia mundial absoluta, e aí recebeu uma histórica ovação de pé.

A 66ª edição do Festival de Cinema de Cannes decorre entre 15 e 26 de maio.