O hotel Standard de Manhattan garantiu nesta segunda-feira que investiga como o vídeo foi parar ao site de celebridades TMZ, responsável pela publicação das imagens.

A filmagem, de baixa qualidade e a preto e branco, mostra Solange a dar pontapés e estaladas em Jay Z no hotel, onde ocorria uma "after-party" depois do baile de gala do museu Metropolitan de Nova Iorque, a 5 de maio.

No vídeo, é possível ver a cantora Beyoncé, de 32 anos, a entrar no elevador acompanhada do marido, Jay Z, com quem é casada há seis anos, e da irmã. Imediatamente, Solange começa a dar estaladas no cunhado e chega também a dar-lhe pontapés. A agressão só foi interrompida com a chegada do guarda-costas do rapper, que afastou Solange. Beyoncé permanece quieta ao lado do marido, enquanto a irmã, também cantora, o agride.

Os três são facilmente reconhecíveis pela indumentária que usavam na noite da festa. Solange usa um vestido cor-de-rosa Phillip Lim, Beyoncé um vestido preto com transparências da maison Givenchy e Jay Z veste um smoking branco.

Em e-mail enviado à AFP, o hotel Standard manifestou a sua indignação pela publicação do vídeo de três minutos e meio, que se tornou viral. O estabelecimento também ameaçou entrar com ações disciplinares e legais contra o suposto autor da divulgação.

"Estamos chocados e desapontados com o facto de que tenha havido uma clara violação do nosso sistema de segurança e da privacidade que garantimos aos nossos clientes", afirma o hotel.

Nem Solange, nem Beyoncé, nem Jay Z se pronunciaram sobre o assunto nas suas respectivas páginas no Twitter, e os seus representantes oficiais ainda não emitiram comentários sobre o ocorrido.

@AFP

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.