O espectáculo – o primeiro da banda de Tim, Zé Pedro, Kalú, João Cabeleira e Guinum estádio, em nome próprio – deverá prolongar-se durante três horas e contemplar uma zona exclusivamente acústica. Já o alinhamento permanece, por agora,em segredo.

Na sua produção – a maior de sempre da banda – estarão envolvidas quatro torres de distribuição de som, um palco de 50 metros de comprimento por 20 de altura (cuja montagem ficou a cargo da empresa responsável por digressões de bandas como os U2 ou Coldplay), um sistema de luzes de um milhão de watts de potência, sete geradores e os mesmos ecrãs utilizados no concerto dos Rolling Stones no Estádio de Coimbra, além de 400 pessoas e 30 camiões TIR, para transportar todo o material necessário.

No estádio, estará ainda disponível um parqueamento especial para motas, um local próprio para guardar os capacetes, bem como um centro médico com dez equipas móveis.

O evento, para o qual se espera casa cheia, contará ainda com as performances de Os Pontos Negros, que deverão actuar pelas 19h30; e dos Tara Perdida, que sobem ao palco às 20h30, uma hora e meia antes dos Xutos & Pontapés.

O preço dos bilhetes para o espectáculo varia entre os €25 e os €35, sendo que as crianças até dez anos, caso não usufruam de um lugar sentado, têm entrada grátis.

Sara Novais

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.