Rihanna criticou a nova ordem executiva de Donald Trump que impede estrangeiros de entrar nos Estados Unidos. "Nojento! A notícia é devastadora! A América está a ser arruinada bem diante de nossos olhos! Que porco imoral", escreveu a cantora na sua conta no Twitter.

Porém, Azealia Banks, artista que apoia o novo presidente norte-americano, não gostou do comentário de Rihanna. "Ela não é uma cidadã [norte-americana] e não pode votar. E todas as celebridades precisam de calar a boca e parar de criticar o Presidente. A abertura das fronteiras preocupa-me e ficaria realmente assustada se a guerra se tornasse real neste território", escreveu na sua conta no Instagram.

A troca de comentários entre as duas cantoras continuou nas redes sociais, terminando com Banks a partilhar no Instagram o número de telefone de Rihanna. Horas depois, a cantora apagou a imagem.

Rihanna

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.