Os espetáculos podem ser vistos em facebook.com/teatro.politeama e a medida destina-se a oferecer aos “habituais espectadores do Politeama e a novos públicos os espetáculos dirigidos por Filipe La Féria”, refere um comunicado do Politeama.

A abrir esta iniciativa será transmitido, até dia 27 – Dia Mundial do Teatro -, “My Fair Lady – Minha Linda Senhora”, protagonizado por Anabela e Carlos Quintas, e a iniciativa irá permitir assistir a um espetáculo diferente por semana, refere a nota.

Os espetáculos seguintes serão “Maldita cocaína”, de 28 de março a 3 de abril, “Música no coração”, de 4 a 10 de abril, “Jesus Cristo Superstar, de 11 a 17 de abril, “A evolução de um grande musical: Severa”, de 18 a 24 de abril, “A canção de Lisboa”, de 25 de abril a 1 de maio, “Judy Garland: O fim do arco-íris”, de 2 a 08 de maio”.

“Nestes tempos de solidariedade o Teatro Politeama e Filipe La Féria querem estar próximos de todos os portugueses. A transmissão dos seus espetáculos é a sua forma de contribuir para amenizar as dificuldades por que todos estamos a passar e reforçar a confiança de que juntos venceremos”, conclui o comunicado.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da COVID-19, infetou mais de 265 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 11.100 morreram.

Das pessoas infetadas, mais de 90.500 recuperaram da doença.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde (DGS) elevou hoje o número de casos confirmados de infeção para 1.020, mais 235 do que na quinta-feira.

O número de mortos no país subiu para seis.

Dos casos confirmados, 894 estão a recuperar em casa e 126 estão internados, 26 dos quais em Unidades de Cuidados Intensivos.

O boletim divulgado pela DGS assinalava 7732 casos suspeitos até quinta-feira, dos quais 850 aguardavam resultado laboratorial.

Das pessoas infetadas em Portugal, cinco recuperaram.

Mais informações sobre o COVID-19.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.