Atriz, dramaturga e poeta, Calí Boreaz nasceu em Portugal e adquiriu, entretanto, a nacionalidade brasileira, depois de ter vivido grande parte da sua vida na Roménia. “tessearo” sucede a duas obras editadas no Brasil e a poesia dispersa publicada em revistas de países como México e Cabo Verde.

A editora escreve que a poesia da autora resulta “da combinação de linguagens, da poesia beatnick até à ideia de performance contemporânea", apresentando "uma sucessão de intersecções de espaços e tempos em movimento, como se estivessem a girar num grande hipercubo”.

O seu livro toma para título a designação de um objeto de quatro dimensões - tesserato, vulgarmente conhecido por hipercubo, passível de demonstração matemática. “Nas páginas de ‘tesserato’ o sujeito poético desloca-se ao longo da imobilidade", escreve a editora, acrescentando: “Os poemas de 'tesserato' são tentativas de atingir o tanto de um instante, tendo como obsessão a pergunta: o que significa estar aqui? Mais do que contar o instante, porém, confessam o seu intento de silenciar o que está em volta dele, para que ele, apenas, aconteça”.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.