A primeira edição de Coimbra BD - Mostra Nacional de Banda Desenhada realiza-se de 3 a 6 de março naquela cidade e conta com exibição de filmes, exposições, jogos de tabuleiro, um desfile de ‘cosplay' e desenhos ao vivo, entre outras atividades.

A Coimbra BD, organizada pela Câmara Municipal de Coimbra e com o apoio da Rádio Universidade de Coimbra (RUC), decorre na Casa Municipal da Cultura de Coimbra (CMCC) e representa a entrada da cidade "no circuito" de festivais relacionados com esta temática, disse hoje a vereadora Carina Gomes na conferência de apresentação da iniciativa.

Durante os quatro dias de evento, decorre uma feira de banda desenhada, ilustração e ‘merchandising’, com diferentes editoras representadas, uma mesa de artistas que vão realizar desenhos ao vivo e mostrar os seus trabalhos, bem como jogos de tabuleiro presentes no primeiro andar da CMCC.

Na Coimbra BD, vão decorrer também exposições de ilustrações, de ‘action figures' (figuras de ação de personagens da BD) e uma centrada na representação da cidade em pranchas de Hergé, Jean Gratton, José Ruy e Étienne Schréder.

Para além da exibição de vários filmes relacionados com o universo da banda desenhada, realizam-se também ateliês, tertúlias dinamizadas pelo programa GeekFreak da RUC e apresentação de livros.

A 05 de março, decorre um desfile de cosplay (pessoas que se "transformam", através de vestuário e maquilhagem, em personagens de BD), às 16h00.

Nesse mesmo dia, há também a apresentação de livros e sessões de autógrafos dos autores André Caetano, André Diniz, João Mascarenhas, Marco Mendes, Osvaldo Medina e Ricardo Venâncio, entre outros.

Também a 06 de março volta a haver sessão de autógrafos, bem como uma emissão em direto do programa GeekFreak, às 16h00, que vai ter entrevistas a convidados e a participantes da Coimbra BD.

Num evento para todas as idades, a Câmara optou por se focar em promover o trabalho de novos autores e ilustradores portugueses, focando-se na produção nacional, referiu Carina Gomes.

"Queremos que todos os anos cresça em quantidade e qualidade", frisou a vereadora.

Breno Ferreira, locutor do programa GeekFreak, sublinhou que a banda desenhada acaba por tocar em diversos temas, considerando que esta arte "não é só para crianças" e que a mostra não é apenas para o público já devoto.

"Quem não gosta ou não conhece, também pode vir ver", realçou.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.