Segundo o jornal The Mirror, o cantor estava a jantar no restaurante Le Petit Maison, junto ao Passeio dos Ingleses.

No momento do atentado levado a cabo pelo franco-tunisino Mohamed Bouhlel, Bono estava a jantar com o presidente da câmara de Nice, Christian Estrosi. De acordo com um cliente do restaurante, o cantor "teve de colocar as mãos na cabeça e permanecer calmo, como toda a gente".

De relembrar que, no dia do ataque ao Bataclan, o vocalista dos U2 também estava em Paris, onde a banda iria atuar.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.