Paca Bandeira partilhou um vídeo nas redes sociais onde aparece a conduzir um cilindro. Com a máquina usada na construção civil para compactar terrenos, o músico de 72 anos destrói 50 mil discos seus espalhados num armazém.

O objetivo, segundo o cantor, é protestar contra os downloads, contra a falta de apoio das rádios nacionais e contra as Finanças, que não permitem que o músico faça doações dos seus discos aos países do PALOP (Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa). "Se calhar este paleio não é lá grande coisa, mas é verdade. Isto é o resultado do reflexo que a música tem em Portugal. Então temos de acabar com ela assim. Agora toda a gente tira da Internet, toda a gente faz cópias piratas e pronto", defende no vídeo partilhado nas redes sociais.

"Estamos a passar a música a cilindro, a música portuguesa, que é, na maior parte dos casos, aquilo que muitas estações de rádio que nós pagamos fazem - passar a música a cilindro", frisa Paco Bandeira.

O vídeo conta com voz-off do ator Guilherme Leite, que no final do sintetiza o objetivo do protesto." É contra aqueles que roubam os músicos portugueses ao fazerem download da Internet, em vez de comprarem o trabalho de quem trabalha, contra aqueles que, à frente de rádios, não passam a música portuguesa, ou passam apenas a dos seus amigos", explica.

O vídeo pode ser visto aqui.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.