Tom Hanks está em Itália para receber um prémio pela sua carreira, concedido pelo Festival de Cinema de Roma.

Antes da cerimónia, em conversa com jornalistas, o ator brincou sobre as semelhanças entre Trump e o ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi.

"Porquê Trump?!" - questionou, imitando um dos muitos jornalistas italianos que lhe faziam essa pergunta, dizendo em seguida: "você é italiano. Porquê Berlusconi?".

Na semana passada, a estrela de cinema americana assistiu à estreia do seu novo filme, "Inferno", em Florença.

"A cada quatro anos, o circo volta à cidade nos Estados Unidos. A cada quatro anos, decidimos quem vai ser o líder", ironizou.

"Sem dúvida alguma que o mundo está a encaminhar-se para algo profundo, que o futuro é incerto, misterioso e que uma boa parte do planeta enfrenta problemas que parecem não ter solução", continuou.

"Quando os Estados Unidos se viram confrontados com circunstâncias similares, nunca nos voltámos para um candidato fanfarrão egocêntrico e simplista", atacou.

O mais recente filme de Tom Hanks, "Inferno", estreou esta semana nas salas de cinema portuguesas.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.