"Nas profundidades de uma floresta no interior de um vulcão existe um extraordinário mundo, um mundo onde tudo é possível. Um mundo chamado Varekai. Um jovem solitário cai dos céus e assim começa a história", pode ler-se no comunicado da promotora de "Varekai", o mais recente espetáculo do Cirque du Soleil prestes a estrear em Portugal.

A palavra "Varekai" significa “em qualquer lugar" em romani, a língua do povo cigano, e é o ponto de partida de uma homenagem ao espírito nómada, à alma e à arte da tradição do circo, esclarece ainda a Everything is New.

A primeira sessão de "Varekai" arranca às 21h30 de 5 de janeiro, no MEO Arena, em Lisboa. O espetáculo volta ao mesmo palco nos dias seguintes, até 15 de janeiro, com sessões à mesma hora e em alguns dias também a partir das 18h30. O preço dos bilhetes varia entre os 37 e os 80 euros.

O Cirque du Soleil nasceu de um grupo de 20 artistas de rua no início de 1984 e hoje é a maior companhia de entretenimento artístico do mundo. Sediado no Quebec, Canadá, conta atualmente com quatro mil funcionários, entre os quais mais de 1300 artistas, provenientes de 50 cidades diferentes.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.