A produção de "Bombeiro Sam", série que em Portugal é transmitida pelo canal Panda, está a ser acusada de islamofobia. Na cena em causa, o protagonista escorrega num papel e atira vários papéis pelo ar. Numa das folhas está um texto do Alcorão, garantem os mais atentos.

A produtora Hit Entertainment já fez um pedido formal de desculpas. "Chegou ao nosso conhecimento que uma página do Alcorão surge brevemente num episódio de 'Bombeiro Sam'. A intenção era que a página mostrasse texto ilegível e lamentamos profundamente", frisa a empresa, adiantando que não vai voltar a trabalhar com o estúdio responsável pela animação.

Bombeiro sam

A Hit Entertainment avança ainda que pretende retirar de circulação do episódio, acrescentando que vai rever todos os capítulos da história para evitar que situações semelhantes voltem a acontecer.

O episódio da série em causa é o sétimo da nona temporada e já foi emitido em Portugal pelo Canal Panda.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.