Os mais importantes prémios da televisão norte-americana são este domingo entregues em Los Angeles. «Mad Men» está na frente da corrida e o comediante Jimmy Kimmel será o apresentador.

A série, passada na década de 60, e que olha para os bastidores do trabalho numa agência de publicidade, disputa com «Boardwalk Empire», «Breaking Bad», a britânica «Downton Abbey», «Guerra dos Tronos» e «Homeland» a categoria de Melhor Série Dramática, e consegue o recorde de nomeações desta edição, nada menos que 17.

«Mad Men» já fez história por ser o único programa da história a vencer o Emmy de Melhor Série Dramática em cada ano em que esteve no ar.

A série, que estreou a sua quinta temporada em março, quase terminou no ano passado, até se ter chegado a um acordo para novo contrato entre o criador Matthew Weiner, a produtora Lionsgate e a emissora por cabo AMC, uma tarefa que, na altura, parecia impossível.

Matthew Weiner, chegou a abandonar as negociações, lutou contra as tentativas do conselho de administração de reduzir o orçamento reservado para a série que, apesar de seu estatuto, nunca gerou grandes receitas de publicidade.

Entre os muitos nomeados em «Mad Men» estão Jon Hamm, para Melhor Ator, Elisabeth Moss, para Melhor Atriz, Jared Harris, para Melhor Ator Secundário, e Christina Hendricks, para Melhor Atriz Secundária.

Concorrendo ao prémio de Melhor Série de Comédia estão «The Big Bang Theory», que, mesmo após cinco temporadas no ar na CBS, continua a ser uma das «sitcoms» mais aclamadas da televisão norte-americana, e ainda «Curb Your Enthusiasm», «Modern Family», «30 Rock», assim como as novatas «Girls» e «Veep».

A comédia «Jess e os Rapazes», o novo sucesso da FOX, não conseguiu chegar à nomeação, mas a sua protagonista, Zooey Deschanel, conseguiu destacar-se com uma nomeação para Melhor Atriz de Comédia.

A estrela e criadora de «Girls», Laura Dunham, uma nova-iorquina na casa dos 20 com muito em comum com a sua personagem na série, foi nomeada nas categorias de Melhor Atriz de Comédia, Melhor Realizador em Comédia e Melhor Guião para Série de Comédia.

Para o prémio de Melhor minissérie ou filme para televisão foram nomeadas «American Horror Story», «Game Change», «Hatfields and McCoys», «Hemingway and Gellhorn», «Luther» e «Sherlock: A Scandal in Belgravia».

«American Horror Story», série que, quando estrear a sua segunda temporada no FX, terá como pano de fundo uma instituição de saúde mental dos anos 60, também teve uma nomeação para Melhor Atriz (Connie Britton), uma para Melhor Ator Secundário (Denis O'Hare) e duas para Melhor Atriz Secundária (Frances Conroy e Jessica Lange.)

Na corrida para Melhor Reality Show estão «The Amazing Race», «Dancing with the Stars», «Project Runway», «So You Think You Can Dance», «Top Chef» e «The Voice».

«American Idol», pilar da indústria da música nos Estados Unidos da América ao longo das onze temporadas, ficou de fora da corrida.

Por sua vez, o apresentador de «American Idol», Ryan Seacrest, figura entre os nomeados para Melhor Apresentador de Reality Show ou Programa de Competição, assim como Betty White, com os seus 90 anos, por "Betty White's Off Their Rockers".

Na madrugada de segunda-feira, 24 de setembro, a partir da 01:00 (hora de Lisboa; noite de domingo 23 para segunda 24), o AXN Black e o AXN White emitem em exclusivo e em direto a 64ª edição dos Emmy Awards.

@SAPO com AFP

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.