"Oppenheimer" vai, afinal, estrear nas salas de cinema do Japão.

O lançamento em 2024, formalmente confirmado esta quinta-feira pela distribuidora local, sem indicar uma data específica, surge meses após o sucesso no resto do mundo, com receitas de 950 milhões de dólares nas bilheteiras desde 2o de julho.

A estreia no último grande mercado de cinema que faltava sempre foi um ponto de interrogação: o épico do realizador Christopher Nolan retrata o famoso físico J. Robert Oppenheimer e as interrogações éticas ligadas à criação da bomba atómica.

Durante o verão no Japão, houve apelos nas redes sociais a um boicote, com muitos utilizadores a mostrarem-se perturbados com as imagens produzidas por fãs ocidentais ligando "Oppenheimer" e "Barbie" em consequência do fenómeno cultural "Barbenheimer", sentindo que banalizavam as armas nucleares e os efeitos devastadores do lançamento das bombas atómicas em Hiroshima e Nagasaki.

O comunicado oficial da distribuidora Bitters End reconhece que a decisão foi tomada "após meses de diálogo cuidadoso associado ao tema e reconhecendo a sensibilidade particular para nós, japoneses".

"Após vermos o filme, sentimos que Christopher Nolan criou uma experiência cinematográfica singular que transcende a narrativa tradicional e deve ser vista no grande ecrã. Convidamos o público a assistir ao filme com os seus próprios olhos no que diz respeito ao Japão”, conclui o texto.

"Oppenheimer"é um dos títulos favoritos às nomeações dos Óscares.

TRAILER "OPPENHEIMER".

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.