Continuam as ondas de choque por causa de algumas declarações da atriz Winona Ryder numa entrevista recente ao The Sunday Times
.
Primeiro, foram as acusações de antissemitismo contra Mel Gibson, recordando o que se passou numa festa de 1996 em Hollwyood: o ator desmentiu a versão da atriz, que por sua vez voltou a repeti-las.

Antissemitismo: Mel Gibson desmente Winona Ryder, que repete acusações
Antissemitismo: Mel Gibson desmente Winona Ryder, que repete acusações
Ver artigo

Mas outra declaração não passou despercebida: a de que o cineasta Francis Ford Coppola teria gritado várias vezes "Sua prostituta!" atrás das câmaras durante a rodagem de "Drácula de Bram Stoker" (1992) para a conseguir fazer chorar de forma convincente numa cena.

A atriz acrescentava que Coppola teria tentado que outros atores também fizessem maus tratos verbais e que Keanu Reeves e Anthony Hopkins estavam entre os que tinham recusado.

Mas o realizador tem uma recordação muito diferente do que aconteceu.

"Embora pense que a Winona é uma atriz maravilhosa, o incidente que descreve não é como aconteceu e gritar ou mal tratar as pessoas não é algo que eu faça enquanto pessoa ou cineasta", explicou à revista People.

"Nesta situação, que recordo com clareza, indiquei ao Gary Oldman – enquanto na sua personagem Drácula – para lhe sussurrar e às outras personagens palavras improvisadas, tornando-as as mais horríveis e malévolas possíveis. Não sei o que foi dito, mas a improvisação é uma prática comum no cinema", esclareceu.

Após o desmentido, Winona Ryder confirmou a versão de Coppola.

"A Winona e o Francis estão de acordo e a recordação está correta. Ele pediu aos atores enquanto nas suas personagens para dizerem coisas horríveis à Winona como uma técnica para a ajudar a chorar para uma cena. Embora essa técnica não tenha funcionado consigo, ela adora e respeita-o e considera uma grande honra ter trabalhado com ele", explicou um porta-voz em comunicado.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.