De acordo com o documento, assinado pelo secretário de Estado da Cultura, José Manuel Costa assume a direção da Cinemateca em regime de substituição, até estar terminado o concurso para o preenchimento da vaga do cargo.

José Manuel Costa substitui, assim, Maria João Seixas, que deixou a direção da Cinemateca a 30 de dezembro passado, por motivos de reforma.
No final do ano passado, Maria João Seixas anunciou publicamente que não se candidataria ao concurso público para a direção da Cinemateca, cargo que ocupada desde 2010.

No âmbito do concurso público para a direção da Cinemateca - que ainda decorre -, a Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública (CRESAP) selecionou três candidatos ao cargo: José Manuel Costa, Maria Adelaide Torradinhas Rocha, que integrou a administração do Centro Cultural de Belém, e Maria Manuela dos Santos Correia, que passou pela direção do Instituto do Cinema e do Audiovisual.

José Manuel Costa, 60 anos, está ligado à Cinemateca desde 1975 e assumiu pela primeira vez o cargo de subdiretor em 1996. Foi o responsável, nos anos 1980, pelo projeto e pela instalação do Arquivo Nacional das Imagens em Movimento (ANIM), do qual foi primeiro diretor e leciona História do Cinema e Documentário na Universidade Nova de Lisboa.

José Manuel Costa presidiu ainda à Associação Projecto Lumière e à Associação das Cinematecas Europeias, organizou em 2000 os «Estados Gerais do Património Cinematográfico Europeu» e fundou e dirigiu a APORDOC, Associação pelo Documentário.