Quando Julie Walters ouviu falar que iam fazer uma sequela de "Mamma Mia!" achou a ideia "horrível".

No filme de 2008, a atriz britânica era Rosie, formando com Meryl Streep (Donna) e Christine Baranski (Tanya) o trio de grandes amigas e membros da antiga banda "Donna and the Dynamos".

Adaptação de um musical com o mesmo nome, a história do primeiro filme passava-se na ilha grega Kalokairi, onde uma jovem noiva (Amanda Seyfried) queria saber quem era o verdadeiro pai antes do grande dia e por isso convidava em segredo os três amores do passado da mãe (Streep) para o casamento.

Tudo era pretexto, claro, para cantar as músicas do grupo sueco ABBA, o que parecia ridículo num filme mas resultou num gigantesco sucesso de bilheteira. Claro que Hollywood queria repetir, mas como era possível?

"Não percebia  como era possível resultar e o que podiam fazer connosco", explicou Walters à edição britânica da Good Housekeeping sobre a sequela.

"A minha primeira reação quando o meu agente disse que estavam a fazer o 'Mamma Mia 2' foi 'oh, meu Deus, não, vai ser horrível'", reconheceu.

Mas a verdade é que ela está de volta em "Mamma Mia! Here We Go Again", tal como Streep, Baranski, Seyfried, bem como Pierce Brosnan, Colin Firth, Stellan Skarsgård e Dominic Cooper. E a eles juntam-se por exemplo Cher, Lily James e Jeremy Irvine.

"Mas o argumento era tão bom. Acho que é fantástico. Acho que é melhor do que o primeiro", garantiu.

A nova história vai avançar com a do filme original, mas também terá extensos "flashbacks" à volta da juventude das personagens que eram interpretadas pelos atores veteranos.

De facto, Julie Walters diz que algumas coisas mudaram desde o primeiro filme: todos pareciam "dez anos mais velhos".

"Todos estavam a encolher a barriga quando nos encontrámos. Achei que todos pareciam óptimos", garantiu.

"Mamma Mia! Here We Go Again" chega aos cinemas portugueses a 19 de julho.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.