Entre o lançamento de "Bound - Sem Limites" (1996) e "Speed Racer" (2008), passando pela trilogia "Matrix" (1999-2003) que mudou as suas carreiras, Andy e Larry Wachowski formaram uma dupla de cineastas que deixou a sua marca na Sétima Arte com a assinatura de "irmãos Wachowski".

Em 2012, após alguns anos de rumores, Larry Wachowski assumiu que era transgénero e fez a transição para Lana Wachowski, nome que já apareceu ao lado do irmão Andy Wachowski nos créditos dos filmes "Cloud Atlas" (2012), surgindo simplesmente como 'The Wachowskis' em "Ascensão de Júpiter" (2015).

Em 2016, foi a vez do irmão Andy assumir a sua transição e passar a chamar-se Lilly Wachowski.

Este processo fez com que alguns fãs começassem a notar temas transgénero no filme: o facto de Thomas Anderson (Keanu Reeves) sentir que algo não está bem no mundo onde está a viver foi comparado a "disforia de género"; a sua transição para Neo; a pílula vermelha oferecida por Morpheus (Lawrence Fishburne) a simbolizar as hormonas de estrogénio.

Agora, a co-realizadora Lilly Wachowski confirmou que a saga é uma alegoria sobre ser trangénero e o desejo de transformação, mas de um ponto de vista "dentro do armário".

Em declarações ao Netflix Film Club esclareceu que que as irmãs usaram a ficção científica como uma forma de explicar o que sentiam: "Estávamos a existir num lugar onde as palavras não existiam, portanto estávamos sempre a viver num mundo de imaginação".

"Estou contente por se ter percebido que essa era a intenção original. O mundo ainda não estava pronto para isso. O mundo corporativo não estava pronto para isso", acrescentou.

Lilly Wachowski também confirmou que a intenção original era que a personagem Switch fosse de género fluído, um homem no mundo aparentemente real e uma mulher na Matrix, mas a ideia foi rejeitada pelo estúdio.

Belinda McClory (Switch)

Houve quem percebesse logo as alegorias e agradecesse às irmãs Wachowski: "Agora como estes filmes são para as pessoas transgénero e a forma como vêm ter comigo e dizem ' Estes filmes salvaram a minha vida'".

Recentemente, recomeçou a rodagem de um quarto filme em que regressam Keanu Reeves, Carrie-Anne Moss, Jada Pinkett Smith e Lambert Wilson, que fora interrompida pelo COVID-19 em março. A realização está apenas a cargo de Lana Wachowski.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.