O cineasta que fez muita pesquisa para trazer realismo ao impacto de um vírus mortal em "Contágio", o filme de 2011 que voltou a ganhar notoriedade este ano por causa da COVID-19, vai ajudar a preparar Hollywood para o regresso ao trabalho.

Steven Soderbergh vai ficar à frente de um novo comité que terá a missão de ajudar a criar medidas que impeçam a propagação do coronavírus durante a rodagem de filmes e séries quando as autoridades de saúde permitirem o regresso ao trabalho, anunciou esta quinta-feira (16) o sindicato dos realizadores norte-americanos (DGA).

O comité presidido por aquele que é um dos cineastas mais respeitados da indústria e o vencedor do Óscar por "Traffic - Ninguém Sai Ileso" (2000) vai trabalhar com especialistas de Epidemiologia e cientistas para examinar o processo normal das produções e fornecer recomendações ao DGA sobre a melhor forma de implementar as práticas de distanciamento social e criar um ambiente profissional seguro.

O DGA também está em conversações com outros sindicatos de Hollywood sobre a criação de um guia de segurança abrangente.

Reabertura dos cinemas nos EUA? Esperança está em julho e no novo filme de Christopher Nolan
Reabertura dos cinemas nos EUA? Esperança está em julho e no novo filme de Christopher Nolan
Ver artigo

Foi criado ainda um segundo comité focado na "preservação da experiência comunitária de cinema".

Com os cinemas fechados há um mês e as estimativas mais otimistas de reabertura a apontarem para o fim de junho, este grupo formado por realizadores, assistentes de realização e responsáveis de unidades de produção, irá estudar formas de promover "esse regresso seguro ao cinema que é tão importante para a nossa cultura e a nossa arte".

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.