Glen Hansard chegou ao mundo com um Óscar para melhor canção original. Agora anda em digressão com Eddie Vedder e passou pelo Sudoeste, onde atuou a solo mas contou com uma participação especial de Vedder, que apanhou o público do Sudoeste desprevenido.

Hansard subiu ao palco principal do festival ainda era de dia. Na bagagem levava os temas do seu primeiro disco a solo intitulado "Rhythm And Repose", fora do contexto da banda "The Frames", onde também tem os papéis de vocalista e guitarrista.

Ao SAPO Música, contou que Eddie Vedder marcou uma viragem na sua vida."Há pessoas que entram na nossa vida nos momentos de que mais precisamos", confessa. Glen Hansard recua no tempo, mais concretamente ao ano de 2010 e na Califórnia, quando um dos espetadores se suicidou no decorrer do concerto. Diz ter ficado "de rastos" mas, "no dia seguinte" recebeu uma chamada "e no outro lado da linha estava Eddie Vedder. Fiquei estupefacto. Estou-lhe bastante agradecido. Começámos a falar e agora somos amigos.", recorda Glen Hansard.

Em 2007, a Academia reconheceu o seu trabalho na música "Falling Slowly", parte da banda sonora do filme "Once", e levou para casa o Óscar de "Melhor Canção Original". Glen diz que isso mudou a sua vida mas não em tudo: "A maior mudança foi ter um plateia e dinheiro (...), mas quanto aos amigos e à família, nada mudou".

Saiba mais sobre Glen Hansard na entrevista que o músico concedeu ao SAPO Música.

Texto: Daniel Pinto Lopes

Vídeo: Ana Rita Santos e Daniel Pinto Lopes

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.