Já andam nisto desde 2007 embora o álbum de estreia só agora veja a luz do dia. Não é a primeira edição do jovem quarteto de Barcelos, que no currículo conta já com um EP homónimo. Mas também não houve pressa porque, mais do que discos, interessam-lhe os concertos. "A nossa praia são os palcos", conta Rafael Ferreira. "Para uma banda se tornar forte e coerente tem de tocar ao vivo", salienta o guitarrista de 20 anos (de resto, a idade de todos os elementos dos Glockenwise).

Nuno Rodrigues subscreve: "O álbum reflecte totalmente o que gostamos de fazer ao vivo. É um pouco mais limpo, mais polido, mas não há uma grande discrepância". O vocalista assinala ainda que em "Building Waves" os Glockenwise tentam "dar uma estética mais moderna ao garage rock numa onda totalmente divertida e descomprometida".

Este mergulho num rock revivalista, directo e claramente apontado aos palcos tem sido hábito em várias bandas conterrâneas - como os Black Bombaim, ALTO! ou Green Machine. Há até quem fale numa cena barcelense, mas Nuno Rodrigues não se mostra muito convencido. "Não acho que haja uma cena em Barcelos... Primeiro é muito difícil definir o que é uma cena, porque os critérios podem variar conforme a cidade ou o espaço temporal. Há, de facto, qualquer coisa engraçada em Barcelos, nos últimos tempos apareceram muitas bandas... mas isso foi uma coincidência que podia ter ocorrido em qualquer lado", esclarece o vocalista.

Mas foi uma feliz coincidência, até porque a considerável experiência que os Glockenwise têm em palco também se deve ao contacto com algumas bandas locais. Ainda assim, "em Barcelos não há um sítio para tocar", lamenta Rafael, que diz ainda que esta limitação apenas os encorajou a continuar à procura de concertos, "quer sejam para 200 pessoas ou para o gajo do bar". Olhando para a agenda de actuações dos próximos meses, pode dizer-se que o esforço tem compensado.

Entrevista e edição @Gonçalo Sá

Foto do artigo@Filipa Alves/Vice / Fotos dos concertos @Raquel Silva

Agenda de concertos:

Janeiro:
15 – Casa da Música - Porto (Clubbing com Jazzanova, Lindstrom, Noiserve Black Bombaim)
22 – El Rock - Guimarães

Fevereiro:
4 - Fnac Coimbra
5 - Fnac Leiria
11 - Fnac Guimarães
12 - Fnac Braga
26 – Hard Club - Porto (c Monotonix)

Março:
5 – Kastrus Bar - Esposende
11 – Festival Rock no Monte - Coimbra
17 - Fnac Gaia
18 - Fnac St Catarina
18 - Fnac Norteshopping
19 - Fnac Marshopping
26 – TBA - Bragança

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.