A organização do Vagos Open Air confirmou a presença de uma banda extra no certame. Os suecos Nasum vão assim juntar-se aos seus conterrâneos At The Gates no primeiro dia do evento (3 de agosto), que fica completo com atuações dos noruegueses Arcturus e Enslaved, dos suíços Eluveitie, dos espanhóis Northland e dos portugueses Disaffected.

Com a adição de uma banda extra ao cartaz, será também colocado à venda um novo bilhete – complemento passe. Este bilhete complementar, em conjunto com um bilhete diário, equivale ao passe 2 dias. O bilhete complemento passe serve única e exclusivamente para fazer o “upgrade” do bilhete diário para o passe de 2 dias.
Coroner e Disaffected são as derradeiras confirmações no cartaz do Vagos Open Air, a decorrer nos dias 3 e 4 de agosto, na Lagoa de Calvão, em Vagos.

NASUM
Enquanto se mantiveram no ativo, os NASUM estiveram sempre muito à frente no universo grindcore e, graças a isso, são atualmente vistos como um dos projetos mais influentes e refrescantes surgidos da geração extrema dos anos 90. E, durante pouco mais de uma década, deram cartas numa tendência que – quando a dupla formada por Mieszko Talarczyk e Anders Jakobson começou a escrever canções em 1992 – estava desesperadamente a necessitar de um proverbial chuto no rabo. Fizeram-no com aparente facilidade, injetando à tradição death metal e punk/d-beat local doses massivas da fúria e rapidez cortantes típicas do grind. Uma experiência ousada, mas muito bem-sucedida e que, ao longo dos anos, lhes valeu elogios rasgados por parte da imprensa, dos fãs e até dos pilares do género – os elementos dos britânicos Napalm Death, por exemplo, nunca se furtaram a admitir publicamente o seu imenso respeito pela banda oriunda de Örebro.

Discos como «Inhale/Exhale», «Human 2.0» e «Helvete» são hoje pedras basilares do grindcore e, com atuações explosivas a servirem-lhes de apoio, os NASUM foram ganhando um estatuto que já ninguém ousa sequer contestar. Com a aproximação do novo milénio, todo o trabalho árduo por parte do grupo parecia estar finalmente a ser compensado e «Shift», de 2004, prometia fazê-los chegar onde nunca tinham chegado antes. Tragicamente, o percurso do coletivo seria subitamente interrompido quando, em Dezembro de 2004, Mieszko Talarczyk desapareceu no tsunami que devastou a Indonésia, a Índia e o Sri Lanka. Perdia-se ali não só uma das almas criativas dos NASUM como também uma das peças-chave do seu sucesso e, acima de tudo, um músico e produtor genial. O fim do grupo foi anunciado em Maio de 2005, três meses depois de encontrado e identificado o corpo do vocalista/guitarrista.

Ao longo dos últimos sete anos, os ex-membros da banda foram mantendo-se ocupados com projetos como os Burst, Coldworker, Victims ou Regurgitate... Todos foram ganhando notoriedade por mérito próprio e, apesar da edição póstuma de um disco ao vivo e de uma coletânea com material extra-álbuns, nem os fãs mais acérrimos sonhavam com um regresso. No entanto, os músicos não tiveram oportunidade de se despedir convenientemente dos fãs e, sem que alguém o pudesse supor, a ideia de um retorno aos palcos – para uma digressão de despedida – começou a germinar na cabeça de Anders Jakobson, Jesper Liveröd, Jon Lindqvist e Urban Skitt. Para o lugar de vocalista foi convidado Keijo Niinimaa, dos finlandeses Rotten Sound, uma banda com fortes ligações aos NASUM e que muita gente vê como os herdeiros do seu trono – o que só vem reforçar a ideia de que estes espectáculos vão ser, acima de tudo, uma sentida homenagem ao legado de um dos músicos mais influentes das últimas duas décadas de extremismo sonoro. Talarczyk é insubstituível, mas esta vai ser a última oportunidade – e também a primeira, uma vez que nunca tocaram cá – para muitos dos seus fãs testemunharem, ao vivo e a cores, a energia e o poderio sonoro que sempre caracterizaram as prestações do grupo. A não perder!

Os bilhetes para o festival, já à venda nos locais habituais, custam entre €30 (bilhete diário), €50 (passe dois dias) e bilhete complementar por €22*.

* Apenas válido quando apresentado em conjunto com bilhete diário.

Confere o cartaz completo do Vagos Open Air:

3 de agosto

Nasum
At the Gates
Arcturus
Enslaved
Eluveitie
Northland
Disaffected

4 de agosto

Arch Enemy
Overkill
Coroner
Textures
Chthonic
Mindlock

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.