A cidade do Porto prestou homenagem às vítimas do atentado ao jornal Charlie Hebdo.

$$gallery$$

Juntaram-se em frente à Câmara Municipal do Porto centenas de pessoas com cartazes, lápis e canetas em defesa da liberdade de expressão.

No edifício da Câmara foi colocado um pano negro com a imagem do cartoonista George Wolinski, do jornal Charlie e membro do júri do Porto Cartoon desde 2004. No cartaz, que estará exposto durante uma semana, pode ler-se também "Somos Charlie Porto."

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.