Na semana passada, depois de um pequeno desentendimento no primeiro concerto da "Purpose World Tour" em terras de Isabel II, Justin Bieber voltou a "zangar-se" com os fãs. Em Manchester, o cantor foi recebido por uma multidão eufórica. Mas a gritaria dos fãs não agradou ao canadiano."Gosto do vosso apoio, do vosso amor, da simpatia. Mas a gritaria tem de parar. Acho que não precisam de gritar quando estou a tentar dizer alguma coisa", disse.

Face aos apupos do público, Bieber saiu do palco, regressando pouco depois para terminar o concerto. "É óbvio que Manchester não consegue lidar comigo, por isso vou deixar de falar e limitar-me à música", frisou.

Na noite deste domingo, 30 de outubro, o jovem artista decidiu explicar o porquê de abandonar o palco. "As pessoas tendem a querer calar-te, e há pessoas que não querem ouvir (...) Sinto que se não usar esta plataforma para dizer o que sinto não estou a ser justo para comigo e para com a audiência", disse o cantor.

"Tudo o que eu queria era que as pessoas me ouvissem. Há cidades que não o querem e o meu trabalho não é forçar ninguém a fazê-lo", frisou o cantor, acrescentando que  não tenta fingir nada.

Justin Bieber regressa ao MEO Arena, em Lisboa, no próximo dia 25 de novembro.

Veja no vídeo as explicações do artista:

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.