São "histórias de vida, trechos, poemas e factos do ideário lisboeta", com "interferências musicais ligadas às raízes da canção urbana e ao ambiente sonoro do quotidiano da cidade", que começam no sábado e no domingo, pelas 16h30 no Teatro Romano, com "Tejo: O Tesouro de Ophiussa". Nos dias 5 e 6 de dezembro, à mesma hora e no mesmo local, é apresentado "No Tempo das Musas".

No próximo ano, nos dias 9 e 10 de janeiro, às 16:30, no Museu de Santo António, será apresentado "Sant'Antoninho, menino de Lisboa" e, a 6 e 7 de fevereiro, no Museu da Cidade, no Palácio Pimenta, ao Campo Grande, "Ganga e as pedrinhas da calçada".

Nos dias 6 e 7 de março, e também no Palácio Pimenta, será a vez "Mocambo, meu amor". As sessões têm início às 16h30.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.