A obra reúne poemas de Fernando Pessoa, Luís de Camões, Florbela Espanca, Cesário Verde e Mário de Sá-Carneiro, traduzidos para francês por Élodie Dupau, com ilustrações de André Carrilho e prefácio de Anne-Marie Quint, professora de língua e literatura portuguesas na Universidade de Paris-Sorbonne Nouvelle.

O livro bilingue francês-português foi lançado em junho de 2016, um ano depois da versão em inglês-português da editora Lisbon Poets & Co, que também lançou a obra em mandarim e italiano, em novembro.

"É um projeto de difusão da obra de grandes poetas portugueses além das fronteiras da lusofonia através de traduções de qualidade revistas por académicos e especialistas. O nosso projeto editorial é efetivamente um projeto de nicho ligado à poesia e à difusão da obra de poetas portugueses reconhecidos na lusofonia e, nalguns casos, muito para além dela", disse à Lusa o editor João Pedro Ruivo.

Para Julien dos Santos, proprietário da garrafeira e espaço de degustação Portologia, a apresentação do livro faz parte de uma estratégia da casa para divulgar a cultura lusófona em torno dos vinhos do Porto e do Douro, com uma programação que também inclui noites de fado nos primeiros domingos e nas terceiras quartas-feiras de cada mês.

"A Portologia é uma embaixada dos vinhos do Porto em França porque já transmitimos o que é o ‘terroir' do Douro em França. O lançamento [do livro] é uma continuidade, dando a conhecer parte da língua portuguesa aos nossos clientes. Queremos lançar uma programação mais cultural, com noites de fado também, porque a literatura e a música associam-se perfeitamente ao vinho do Porto", indicou Julien dos Santos.

O lusodescendente, que abriu o "Portologia, la Maison des Porto" há pouco mais de um ano, no bairro do Marais, perto do Centro Pompidou, também vai levar um "food truck" com pastéis de nata para a Gare de Lyon, em Paris, de 14 de fevereiro a 15 de abril.

"O conceito é levar os produtos portugueses para mais perto do consumidor francês. Neste projeto, é levar um produto mais conhecido, o pastel de nata, para uma estação com um afluxo enorme de pessoas e propor a experiência do momento lisboeta do pastel de nata e do cafezinho", indicou, precisando que já realizou a experiência de 15 de dezembro a 15 de janeiro.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.